Filme da Semana: Difret

 Em português, a palavra amárica Difret significa Coragem. Estamos na presença do quarto filme da história da Etiópia. Realizado por Zeresenay Mehari, em 2014, e com produção executiva de Angelina Jolie, esta é uma representação cinematográfica a partir de uma história verídica. Em 1996, uma menina de 14 anos, chamada Aberash Bekele, foi acusada de assassinato, após ter morto o homem que a raptou, agrediu e violou, com a finalidade de se casar com ela. Este costume ancestral etíope chama-se Telefa, e equivale a um rapto de sangue, ou seja, um costume (de origem tribal), anterior à codificação legal, que permanecia como fonte de direito, e permitia efectivar uma condição ou situação de discriminação e violência, podendo culminar num sistema de vingança entre famílias (semelhante ao Gjakmarrja, tipificado no kanun albanês). Aberash fora encarcerada e fora-lhe negado qualquer caução até ao dia em que a advogada Meaza Ashenafi, antiga juíza, co-fundadora de uma ONG e afilhada de um importante político etíope, decidiu defender a sua causa. Aqui começa uma importante jornada pela emancipação das mulheres etíopes e, também, uma luta político-jurídica pela consolidação de um estado de direito democrático, assente no primado da separação de poderes. A Etiópia – que associamos injustamente a um permanente Estado famélico – conseguiu, numa região do globo profundamente despótica, assumir-se como uma democracia, começando a garantir a efectivação dos direitos e liberdades fundamentais, e, consequentemente, uma continua e progressiva igualdade de género.

O filme traça o retrato dessa sociedade cimentada em contradições mas que, aos poucos, vai transitando para um modelo mais tolerante. Aquelas pessoas que nesse ano de 1996 lutaram, com coragem, pela mudança, ainda hoje exercem um papel cívico importante na preservação dessas conquistas sociais e legais.

Foi um filme premiado em vários festivais internacionais, como Berlim e Sundance, e que merece ser visualizado.

Nota: 8/10

Vale São Martinho, dia 11 do mês de Abril, do ano de 2016
©HFAzevedo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s