John Adams – Minissérie

JohnAdams_HBOJOHN ADAMS, EUA, 2007. https://i1.wp.com/i.istockimg.com/file_thumbview_approve/18661172/3/stock-photo-18661172-five-pointed-star.jpghttps://i1.wp.com/i.istockimg.com/file_thumbview_approve/18661172/3/stock-photo-18661172-five-pointed-star.jpghttps://i1.wp.com/i.istockimg.com/file_thumbview_approve/18661172/3/stock-photo-18661172-five-pointed-star.jpghttps://i1.wp.com/i.istockimg.com/file_thumbview_approve/18661172/3/stock-photo-18661172-five-pointed-star.jpghttps://i1.wp.com/i.istockimg.com/file_thumbview_approve/18661172/3/stock-photo-18661172-five-pointed-star.jpg

John Adams é uma fascinante minissérie americana de 2007, em sete episódios, produzida por Tom Hanks e Gary Goetzman, para a HBO, sobre a vida e a obra do primeiro vice-presidente e segundo presidente dos Estados Unidos da América.

Adam (1735-1826) foi um personagem sui generis, um homem do seu tempo mas com uma capacidade e uma destreza intelectual que o colocava à frente do século XVIII. Contribuiu para isso o seu fascínio pelo iluminismo, o seu contacto com os ideais revolucionários franceses da época, reverenciando evidentemente a lei e o princípio da legalidade, e com a herança britânica, nomeadamente os filósofos do contratualismo clássico, como Thomas Hobbes, John Locke ou David Hume. Foi advogado, de muitas causas difíceis e polémicas, foi agricultor toda a vida, fazendo questão de manter sempre uma ligação à terra e ao trabalho braçal, foi embaixador em França, na Holanda e na Inglaterra, e chegou, com mérito, a vice-presidente de George Washington, sucedendo-lhe no cargo entre 1797 e 1801. Viveu 91 anos, morrendo, por ironia do destino, a 4 de Julho de 1826, dia nacional dos Estados Unidos da América e o mesmo dia da morte do seu adversário político, e porventura o único amigo pessoal, Thomas Jefferson (terceiro presidente dos EUA).

Com interpretações portentosas de Paul Giamatti, na pele de John Adams, e de Lara Linney, encarnando Abigail Adams, o enredo segue a mesma ordem da obra homónima de David McCollough. Esta produção viria a receber 13 prémios Emmy, incluindo os prémios de melhor minissérie, melhor actor principal, melhor actriz principal e melhor actor secundário para Tom Wilkinson. Não disponível em Portugal e em português europeu, a série pode, no entanto, ser facilmente adquirida na Amazon Espanha.

É uma obra fenomenal e muito digna de ser vista.

Nota 10/10.

© Hélder Filipe Azevedo, 15.VIII.2016

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s