Uncategorized

Traído Pla Alegria – Quis Ansioso

TRAíDO PLA ALEGRIA – QUIS ANSIOSO

Traído pla alegria – quis ansioso

Como o vento levá-la – Mas a quem

Senão a ti, há muito já no além,

Na estase de um sepulcro silencioso?

O amor, amor fiel, veio lembrar –

Como ousei eu esquecer-te! – Mas que pulso,

Ou, por mais fugaz que fosse, que impulso

Me iludiu tanto a ponto de ignorar

A perda da minha vida? – Lembrá-la

Foi o gume mais pungente da dor,

Salvo o do meu vazio ao chorá-la,

Quando o meu tesouro o vi sem fulgor;

E o presente e o futuro nessa vala

Levando-me pra sempre o meu amor.

 

William Wordsworth, Poemas Escolhidos. Assírio & Alvim, 2018.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

LIVRE - BRAGA

CHAMADA PARA A MUDANÇA

A CASA DOS PENSADORES

Incursões filosóficas, Jurídicas, Políticas e Afins

El vuelo de la lechuza

Publicación humanista de referencia en español

The Fujifilm Blog

Explore the world of Fujifilm's X Series and GFX!

The Insatiable Traveler

Embrace Adventure

QWF Writes

Quebec Writers' Federation. Two cents, once a month.

The Daily Post

The Art and Craft of Blogging

The WordPress.com Blog

The latest news on WordPress.com and the WordPress community.

%d bloggers like this: